sábado, setembro 05, 2009

Não devo esquecer que:

O problema não é o quase 1 quilo de cabelo que cai depois que o bebê nasce, mas sim os que começam a nascer depois.

12 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Não se preocupe que quando elas vão crecendo eles voltam a cair!!!
    Imagina os meus já que bebeinha vai completar nove anos...huahuahuhuua
    Bjo LI

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Este é um comentário-convite.
    Meu blog está completando neste mês um ano " no ar". Para celebrar e juntar gente interessante estou promovendo uma blogagem coletiva.
    Ficarei feliz se você puder participar. Será um modo de divulgar seu espaço e conhecer outros blogs interessantes e que têm algo a dizer.
    Conto por você.
    O link para a inscrição é este:
    http://elainegaspareto.blogspot.com/2009/08/convite-convocacao-pedido-promocao-ou.html
    Elaine

    ResponderExcluir
  4. A questão é que cabelos são sempre um dilema, presos à cabeça de forma a ter vida própria, ou fora dela, espalhados pelo chão...

    ResponderExcluir
  5. e eles continuam caindo e crescendo após dois anos rsrsrs

    ResponderExcluir
  6. hahahahahahaha maninha, tadinha de di. Faz como eu fiz: adota as fivelinhas!

    ResponderExcluir
  7. Oi, Laura.
    Cabelo, cabelos...tô querendo raspar os meus, passar "máquina zero", mesmo!!! E quando crescerem de novo, não mais pintar, nem fazer escova, nada, nada..Cansei, viu? Messsmo!!!

    ResponderExcluir
  8. Como assim...? O que é que tem os cabelos que nascem depois??? Nascem diferente do que eram antes.? Meu cabelo está caindo muito na gravidez...imagina só depois... beijo!!

    ResponderExcluir
  9. Tô com a Ciça, adota as fivelinhas amiga, eu faço isso e dá certo :)
    Bjokas

    ResponderExcluir
  10. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.A minha Ana esta fazendo a mesma coisa,acredita?Essas fotos da Julia estao dizendo tudo!!

    ResponderExcluir